quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Nós somos o presépio



Presépio do meu coração, que está exposto na Exposição de Presépios do Ateliê Manacá Florido, da artista Rita Gil, em Gramado.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Por que virei coladora?


Em 2001 fiz um auto exílio na Suíça, em função de um casamento. Jornalista no Brasil, lá me descobri uma analfabeta. Além de precisar aprender uma língua totalmente estranha, que era o alemão, na época, descobri que nem sempre a língua que se escreve é a língua que se fala. A Suíça é dividida em cantões independentes (como estados que são autônomos) e em quatro regiões linguísticas, o alemão, o francês, o italiano e o retro romano. Eu fui morar na região alemã. Muito fácil até então. Na prática descobri que eu precisava escrever em alemão, mas falar dependia da cidade onde estava. Falava-se dialetos locais. Como se fosse o suíço, que mudava a cada poucos quilômetros.



Outra descoberta foi a não validade do meu diploma de curso superior. Justo eu que me orgulhava de ter cursado jornalismo na faculdade que era considerada a melhor da América Latina.

Diante de tantos "não" e percebendo que, o exílio escolhido teria que acontecer por um tempo mínimo de um ano, fui atrás de algo que me salvasse. E descobri a arte. Na época, havia um casarão que era conhecido como a Casa dos Dadaístas, o Cabaret Voltaire. Tinha sido lá que o movimento iniciara em 1916, durante a Primeira Guerra Mundial. O casarão tinha sido vendido, seria derrubado e lá um prédio moderno abrigaria novos negócios. Me interessei por este movimento, o dos dadaístas sobreviventes ou somente admiradores do "ismo" e passei acompanhar as notícias nos jornais, além de fazer visitas regulares ao local e pesquisas na internet sobre o assunto. Os dadaístas ganharam um sala na Universidade de Zurique para seus encontros e eu consegui uma vaga de aluna ouvinte nas disciplinas de Narrativa Angolana e Língua Portuguesa, na Universidade de Zurique, tamanha era minha curiosidade.

Não consegui me aproximar dos dadaístas, mas fiz ótimas pesquisas na Universidade que refletiram no trabalho de colagem que iniciei. Nas colagens, um retrato do que eu via e sentia. Uma profunda desfiguração da sociedade e dos indivíduos. Era o 11 de setembro acontecendo. Era os asilos políticos sufocando uma Europa, que mostrava a sua xenofobia. Era uma mulher, que apesar de tudo, se desmontava e se remontava tão longe das suas origens.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

VESTIDOS!!!!!


O que é o Varal Solidário?

A ideia surgiu de uma paixão por vestidos e por achar que eles combinam com primavera e com mulheres felizes. Sou voluntária da ONG Amigos de Rua, que castra animais de rua e propaga o respeito aos bichos, em geral, e da Associação Chico Viale, que estimula a doação de sangue e de medula óssea.  A Amigos de Rua enfrenta dificuldades financeiras e pensei em uma mobilização que arrecadasse dinheiro, encantasse as pessoas envolvidas e mostrasse que o simples é o melhor negócio.



Dai veio a imagem de um vestido esvoaçante. E em seguida de um varal cheio de vestidos esvoaçantes. Tava criado o Varal Solidário. Vestidos doados (usados, mas em bom estado) que seriam vendidos para angariar fundos para a entidade e que mostrariam para as pessoas como é fácil provocar uma mudança.



A chamada foi: Doe um vestido! Um vestido pode melhorar a realidade e muitas vezes as pessoas não percebem esta sutileza. Os pedidos começaram no facebook, invadiram o boca a boca e depois de um mês, cerca de 130 vestidos chegaram para o Varal. Vindos de Porto Alegre, Gramado, Canela e São Francisco de Paula, as peças coloridas serão expostas no dia 13 de outubro (sábado), das 9h às 17h (sem fechar ao meio dia), na sede da Associação Chico Viale e dos Artesãos de São Chico (avenida Julio de Castilhos, 898 – São Francisco de Paula). Será um dia de contemplação e venda desta corrente solidária.



Unir as entidades de São Francisco de Paula para ganhar força foi mais um dos objetivos. Por isto a junção da ONG Amigos de Rua, Associação Chico Viale e Associação dos Artesãos de São Chico. Quanto maior for a união de entidades sociais, maior será o engajamento da sociedade. E isto se confirmou no número de vestidos doados. A meta era arrecadar 50 vestidos. Chegou-se à 130 peças. E muitas pessoas estão me procurando pedindo para doarem seus vestidos.



Esta é a história do Varal Solidário, que venderá suas peças no dia 13 de outubro e reverterá a renda para a Amigos de Rua. Um vestido pode mudar muita coisa!

domingo, 2 de setembro de 2012

um dia daqueles

os braços doem, trêmulos de exagero no esforço físico. replantei as flores nos vasos de parede. quando eu estava terminando, toda suja de terra, um carro parou aqui na frente. olhei e não reconheci a motorista. ela perguntou se eu era a dona da casa. disse que sim. ela falou "muito linda a sua casa!". agradeci e baixei a cabeça encabulada.

p.s: fico devendo a foto dos vasos.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

O vestido que ajuda

Gente, a Associação Chico Viale preza pela saúde de todos, inclusive a pública. Aquilo que é de todos!! Aqui em São Chico a ONG Amigos de Rua - São Francisco de Paula - RS é nossa parceira nas divulgações de sangue e atualmente esta entidad
e apresenta dificuldades financeiras para manter o trabalho com os animais de rua. Como sempre fomos ajudados por estes voluntários, chegou a nossa vez de ajudar! Juntamente com os artesãos da Associação dos Artesãos de São Chico vamos promover um Sábado Solidário, em outubro, com um varal brechó de primavera. A ideia é recolher doações de vestidos (de todos os tamanhos) e revertermos a renda deste dia para a Amigos de Rua.

Alguém pode perguntar "qual a relação de sangue com animais abandonados"? A primeira resposta é compaixão e generosidade. Exercitar o ato de ser generoso nos faz melhores. Segundo: animais abandonados nas ruas não se alimentam, contraem doenças, têm a imunidade baixa e colocam em risco a saúde pública. Ou seja, de todos nós. Não precisamos deixar as coisas chegarem a este ponto. Podemos ajudar antes!!!!

Quem pode doar um vestido para colaborar com o sucesso do "Sábado Solidário"?????






Peripécias de Sofia vira livro



Aline Viezzer é moça da comunicação e mãe de Sofia. Nas suas colunas na internet ela sempre contava alguma "arte" da pequena Sofia. O sucesso foi tanto que vai virar livro.


Esta é a pequena "grande" Sofia



Será dia 2 de setembro, no próximo domingo, durante a 16ª Feira do Livro de Gramado, o lançamento do livro Peripécias de Sofia, de Sofia Viezzer Bergamo, no aconchegante Madre Café, da Rua Coberta, em Gramado.

“Editar as 150 primeiras peripécias de Sofia, publicadas na minha news on line WWW.alineviezzer.com.br, vem atender ao pedido de muitos queridos amigos que compartilham cada uma delas quando me escrevem, participando com alegria desta nossa etapa de vida como mãe e filha. Trata-se de um livro para todas as idades, pois as ilustrações feitas por ela deram o toque especial nas peripécias que escolheu para desenhar. Foi uma alegria vê-los prontos, coloridos e brilhantes, como o futuro que almejo para minha pequena grande princesa. Com muito carinho divido com vocês nossos reais momentos. Espero que gostem, que aproveitem, que relembrem dos seus pequenos e que principalmente, anotem o que eles dizem, porque depois poder virar um livro!” diz emocionada, Aline Viezzer, relações públicas em Gramado.

Editado em Gramado pela Editora das Hortênsias, cadastrado nos Dados Internacionais da Catalogação na Publicação – CIP, o livro tem o patrocínio da Sierra Móveis, Hotel Serrano, Appel Engenharia, Broilo Iluminação, Pousada Solar Don Ramon, Lilica & Tigor e Caracol Chocolates.

Crédito das fotos: Arquivo pessoal e divulgação.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Os dois próximos sábados são para ajudar!!

INFORMATIVO ONG AMIGOS DE RUA
Cuidar dos animais é um ato de cidadania


01 de setembro (sábado) – das 9h ao meio-dia
Bazar/brechó da ONG (roupas, sapatos, bolsas, objetos de decoração e outros), na Praça Podalyrio Alves, descendo as escada
rias ao lado da Feira do Produtor – Centro.


08 de setembro (sábado) – das 9h ao meio-dia
Feira de adoções de animais, ao lado da Feira do Produtor – Centro.
Interessados em adotar um animal devem levar Xerox da identidade, comprovante de residência, ter mais de 18 anos (ou estar acompanhado de um maior) e ter pátio cercado.





Ajudar não tem data, é todo dia (!), mas podemos marcar dias especiais para nos concentramos em praticar o bem. Assim como as religiões que tem os seus cultos e rituais. Naquela data as pessoas se concentram em estar bem, em se doar para os outros e receber boas energias. Então os dois próximos sábados serão "especiais" para a ONG Amigos de Rua.




Vale uma passada no brechó da ONG, que tem de tudo que se possa imaginar, seja para renovar o seu visual ou da casa. E os preços?????? Escandalosamente baixos!!! Com 50 reais se faz um rancho!!!

E nos dia 08, animais que foram tratados e castrados pela ONG, esperarão novos lares na Feira de Adoções. Cabe lembrar que animais são seres vivos, que merecem respeito. São seres que sentem dor, fome e sede. Adotar é incentivar a vida e mostrar-se um cidadão consciente.

Participe!

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Quiropraxia e boa saúde, tudo a ver!



Daniel Facchini é quiropraxista e trabalha em Taquara, no Vale do Paranhana.

Participará do I Simpósio de Cognição, Linguagem e Aprendizagem, em São Francisco de Paula, nos dias 21 e 22 de setembro, no Hotel Cavalinho Branco.

Seu assunto será de interesse da sociedade em geral "Discussão sobre a quiropraxia no auxílio do tratamento de Dislexia".

Acompanhe seu depoimento e veja como a quiropraxia é muito mais importante do que você imaginava, para melhorar a qualidade de vida.


Por que ser quiropraxista? 
A quiropraxia é uma profissão cujo objetivo principal é melhorar as condições do próprio corpo para que ele funcione o mais próximo da perfeição possível. Ao invés de tratar problemas de saúde com remédios ou procedimentos invasivos que alteram o corpo de fora para dentro, a quiropraxia permite uma abordagem que visa melhorar a saúde de dentro para fora. Quando a coluna e as demais articulações funcionam bem, o resto do corpo tende a funcionar bem. A maior recompensa de um quiropraxista é ver as pessoas com uma nova visão sobre saúde, sem dores ou disfunções, de uma maneira natural.



Como começou a fazer relações entre a quiropraxia e a capacidade de aprender 
O corpo é um sistema incrivelmente inteligente. Somos capazes de aprender com uma infinidade de estímulos diferentes. Até mesmo a dor pode ser aprendida (o que, infelizmente, não é uma coisa boa). Quando entendemos que o funcionamento do sistema nervoso é essencial para a interpretação dos estímulos advindos do meio, se torna claro que a quiropraxia, ao melhorar a função do sistema nervoso, melhora a nossa capacidade de lidar com os estímulos aos quais estamos submetidos. A filosofia quiroprática explica essa relação, e a prática nos mostra isso diariamente.

veja o depoimento da Lucia em  http://www.sulquiropraxia.com.br/depoimentos 

Como você trabalha esta questão? 
Um dos principais objetivos do quiropraxista é identificar alterações da coluna vertebral e demais articulações que estejam afetando o sistema nervoso (que passa, quase em sua totalidade, por dentro da coluna vertebral). Identificando e corrigindo essas disfunções, o corpo passa a ter maior capacidade de perceber e interpretar os estímulos. É um trabalho adjunto: o quiropraxista fornece subsídios para que os demais profissionais que trabalham a questão do aprendizado tenham seus resultados potencializados.



Participa de muitos seminários e eventos? 
Sempre que possível. Não há dúvidas que esse tipo de evento é uma parte fundamental do processo de educação continuada, facilitando a comunicação entre profissionais, trazendo atualizações científicas de diferentes áreas e fomentando a troca de experiências e saberes entre áreas afins.

No seu site www.sulquiropraxia.com.br mais informações sobre como melhorar a sua qualidade de vida física. É possível viver sem dores!!

terça-feira, 21 de agosto de 2012

bilhete de boa noite vindo de Portugal!





Boa Noite

Agradeço desde já as suas perguntas, Patrícia.
Sou apenas conhecido por Varatojo (José António Varatojo Pereira da Silva), 61 anos, pinto desde muito novo mas foi há aproximadamente 15  anos que me dedico profissionalmente às artes plásticas.
Desde muito novo que me metia na mota e corria o país a ver exposições de pintura. Tinha uma estação de rádio e outros negócios ligados à restauração e comercio.
Moro em Leiria no centro de Portugal. Tenho a particularidade de pintar preferencialmente pela noite dentro, pinto na horizontal, sem qualquer ideia prévia, sem esboços, apenas seguindo o que vou fazendo na tela e fundamentalmente com muita musica e muito alta.
Arte para mim é conseguir utilizar a técnica quando me falta a inspiração.

"temos a arTe para não morrer da verdade"

Abraço
Varatojo
http://varatojoblog.blogspot.com.br/





segunda-feira, 20 de agosto de 2012

E vem evento bom por aí!!!!

Nada contra os grandes eventos, mas sou partidária dos pequenos acontecimentos, daqueles em que se pode falar pessoalmente com os palestrantes e organizadores. É uma maneira de crescer profissionalmente, compartilhar experiências. Vem aí o I Simpósio de Cognição, Linguagem e Aprendizagem.


Nos dias 21 e 22 de setembro, no Hotel Cavalinho Branco, em São Francisco de Paula/RS, o NAPS (Núcleo de Atividades Psicopedagógicas e Sócio Psicomotoras) e a Associação Chico Viale estarão organizando o evento que trará especialistas para debater sobre o que acontece, hoje, nas áreas de linguagem, aprendizagem e todo o processo de conhecimento.

Entre os nomes confirmados estão Guiomar Albuquerque, com "A percepção do domínio da linguagem e escrita"; Adriano Avelino, com "Alteração do processo auditivo"; Graziela Trindade, com "Musicoterapia, linguagem e cognição musical". Também Ceres Faraco, com "A terapia mediada por animais em crianças com dificuldades de aprendizagem".

Na parte literária, destacando linguagem, está a minha amiga Monique Revillion, com o tema "Mia Couto, a mágica das palavras e as possibilidades da linguagem na ficção e na vida".

Daqui da região vem a professora da UERGS - Pólo São Chico, Aline Hernandez, com "Aprendizagens, cognição e afeto", além do quiropraxista Daniel Facchini, que irá coordenar uma mesa redonda sobre o uso da quiropraxia no tratamento da dislexia.

O blog Universo Viale irá entrevistar os palestrantes e mostrar um pouco deste conhecimento que será aprensentado nos dias 21 e 22 de setembro, em São Chico. Para maiores informações e inscrições acesse o site do NAPS.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

RE!!!!



A ordem é colocar Re na frente de todos os verbos: reviver, reaproveitar, recolocar, reutilizar, recompor, restaurar... separe o lixo seco que pode virar arte!!! e divirta-se!!

Outras dicas para lembrar no dia a dia:

- Não jogue lixo nas ruas. Sabe por que? Porque este lixo entope os bueiros, poluí os rios e tudo isto pode causar os famosos alagamentos.

- Descarte as pilhas e baterias em locais apropriados de coleta, JAMAIS no lixo comum. Em São Chico (RS), tem um posto de coleta no Rissul Supermercado.

- Recicle o óleo que foi usado para cozinhas enviando-o para locais próprios de coleta. Em São Chico, a Arca Verde coleta o óleo para fazer sabão.


sexta-feira, 27 de julho de 2012

Bazar do acervo Nini Haas, em Gramado


A tarde foi em Gramado para conferir o bazar do acervo Nini Haas, estilista gramadense que tem uma marca de roupas confortáveis, detalhes surpreendentes e lindíssimas! A modelagem lembra um abraço. Até amanhã! É a sua oportunidade de conferir este belo trabalho e prestigiar nossos talentos.

Coleções verão e inverno com até 70% de desconto.

Dias 26, 27 e 28 de julho, das 12h às 19h.

No Josephina Restaurante (pertinho da Igreja Matriz)
R. Pedro Benetti, 22
Gramado

Mais estilo por menos!!

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Coisas só pensadas não são coisas vividas

Continuo no meu desafio de transformar o não usado em algo novo. Nada fácil, mas também nada impossível. Além de propor o desafio ao que é material, apliquei o mesmo aos pensamentos e atitudes. Desde pequena tenho o hábito de escrever diários. Acredito que isto seja uma terapia. Posso acompanhar fases, ver meus progressos e regressões. Tem dado certo. Alguns queimei. Outros perdi e muitos ainda estão comigo. Estava relendo o meu diário de 2002, quando eu morava na Suíça, vendo meu primeiro casamento desmanchar, esperando a volta para o Brasil. Relendo tudo aquilo hoje sei que foi o melhor e perfeito, tudo que aconteceu. Todas as dores, as constatações, os desencontros. Tudo engrenado e encaminhando para o hoje. Dez anos depois tá tudo melhor! Estou uma pessoa bem melhor!

Amigos de bons tempos
Creio que muitas vezes as palavras não explicam tudo que se passa, porque a vida é muito mais que isto. É um sentir! Acredito muito nas pessoas. Que todas são reais e verdadeiras. Não existe o certo e o errado. Não existe o bem ou o mal. E não existe a frase "não é assim". O mundo é feito de coisas que acontecem, mas nem sempre com o rótulo de quem observa. Então quem maltrata um animal pode não estar sentindo isto, mas o que ele faz é sentido, é real. É um sentimento que se propaga de alguma maneira. Se for negativo atraí mais coisas negativas para quem faz. Se fosse positivo atrairia mais coisas positivas.

As pessoas entendem o que fazem, mas não falam sobre o que fazem e o que sentem. Não se abrem, não compartilham, não dividem. E assim criam seus castelos de altas torres intransponíveis. Ninguém chega naquele coração. Temos medo de nos magoar e magoar os outros, medo de se expor, de se entregar, de se arrepender, de errar, de acertar, de gostar, de não gostar.

Tá na hora de ser, de libertar este coração tão medroso de tudo. Não interessa quem você seja, mas que você se recicle sempre. Não somente as roupas, móveis e outas coisas materiais, mas principalmente o seu sentir, agir e reagir!!!

sábado, 21 de julho de 2012

BAGUNÇA

Não estranhem!!! O blog tá uma bagunça! Importei as postagens do blog da Associação Chico Viale e tudo entrou com data de 2012!!! bela bagunça para eu arrumar!!! Mas se divirtam...

postagem de 21 de julho de 2007

A correria na assessoria de imprensa do Festival de Cinema de Gramado não está me permitindo atualizar o blog como desejo, mas sempre que der um tempinho, cá estou. Iniciamos nosso trabalho às 9h e vamos até 23h, meia-noite. Isto sem contar as festas, que estou descartando. Uma boa noite de sono é essencial para quem precisa escrever. Eu e a Dai Evangelista estamos abastecendo o site do Festival. Cerca de 10 notas por dia. Fora os atendimentos à jornalistas, sessões de debates, coletivas e filmes que temos de assistir. Correria pura! Mas se aprende muito e trabalhar sempre é bom!!! Além disto se vê o trabalho dos outros.
Quando "Valsa para Bruno Stein" estreiar nos cinemas corram para assistir. O filme de Paulo Nascimento, baseado no romance homônimo do escritor gaúcho Charles Kiefer, tem linguagem e ritmo europeu. As cenas não cansam, fazer refletir a cada instante, provocam. Fora a atuação fantástica do núcleo da olaria e o talento sem tamanho de Walmor Chagas. As pessoas deveriam imitá-lo. Talento e trabalho. Isto é que marca a vida deste homem!
Saí do cinema impressionada. O filme retrata momentos onde precisamos tomar decisões importantes, daquelas que irão mudar tudo, mas tudo mesmo. E que, apesar do medo, valem a pena.
Valsa para Bruno Stein nos faz ter vontade de dançar... no nosso prórpio compasso! Não percam!

Rasgação

Corre a rasgar. Faz bem à alma e enfeitiça os dedos. Corre a colar. Faz bem à alma e aos dedos. Tudo pode fazer bem, se o coração não for pequenino.
Não fui ao shopping. Não fiz compras. Reformei roupas antigas e brinquei com estampas do tempo da minha vó.
onde estás que não te enxergo? estou escondido atrás de tantas convenções. perdido na pressa do dia-a-dia. nem sei mais se existo... alguém poderia apagar a luz para voltarmos a exergar com o coração

RÁDIO POP ROCK GRANDE PARCEIRA DA ASSOCIAÇÃO CHICO VIALE!




A Rádio Pop Rock está sempre presente na campanha de doação de lãs para confecção de enxovais das voluntárias da Associação Chico Viale! E você? Quer ajudar?










































FESTAS REALIZADAS DURANTE ESSE ANO

Atividades feitas, pela Associação Chico Viale, no Hospital Presidente Vargas, em porto Alegre.