segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Civismo em verde de vários tons


Sete de setembro, dia da Pátria. Pátria que todos esperam nos outros. Pátria que esperam ser uma mãe perfeita, de braços abertos jogando bençãos a todos, sejam filhos respeitosos ou reclamões. Pátria é a responsabilidade que temos com nossos atos, com nossos desatos. É a vontade de ver as coisas mudarem, mas começando por nós mesmo. Eu quero comer melhor, então fui plantar nesta segunda-feira de sol. Bendita seja minha Pátria, que não tem chuteiras, nem espetáculos, nem joguinhos. Minha Pátria tem dia a dia, muito trabalho, responsabilidade, maturidade e sorriso no rosto quando percebe os resultados. Pequenos, sutis, mas reais. Salve o Brasil que guardamos no coração...